MAR

MAR

18 abril, 2018

Um Gentleman em Moscovo de Amor Towles



Livro encantador. Pleno de humor e ironia, o protagonista, o conde Aleksandr Ilitch Rostov, é um verdadeiro cavalheiro que, de imediato, seduz o leitor. 

Condenado a prisão domiciliária, o conde fica impedido de sair do luxuoso Hotel Metropol. Aceita sem reclamar a condenação dos bolcheviques porque, naquela época, na Rússia, o destino dos condenados era outro bem diferente. 

Ao simpático, culto e influente conde apenas lhe foi retirada a suite onde vivia há quatro anos, depois do seu regresso de Paris, e foi-lhe atribuído um pequeno quarto no último piso. Se no início foi penosa a adaptação, com o passar do tempo foi descobrindo outros (ou os mesmos) prazeres e criando novas amizades. 

De 1922 a 1954, vamos conhecendo a nova vida do conde no Hotel e vamos, simultaneamente, acompanhando a evolução de uma nova Rússia.




Sem comentários: