MAR

MAR

13 novembro, 2013

Exposição "Miss Dior" no Grand Palais



"Miss Dior", o primeiro perfume criado por Christian Dior em 1947, é tanto um símbolo quanto um mito. 

A exposição "Miss Dior", comissariada por Hervé Mikaeloff,  inaugura hoje, no Grand Palais, em Paris,  e apresenta pela primeira vez os trabalhos de 15 mulheres artistas femininas de diferentes nacionalidades convidadas a criar obras inspiradas no universo Miss Dior. A exposição conta ainda com fotografias raras e peças de coleção, que acompanham  as obras de arte. 


Joana Vasconcelos foi uma das convidadas a participar nesta exposição, juntamente com, entre outras, a francesa Carole Benzaken, a coreana Lee Bul,  a brasileira Maria Nepomuceno, a britânica Hanna Starkey, a americana Polly Apfelbaum, a japonesa Tomoko Shioyasu  e a iraniana Shirin Neshat.

A jóia que Joana Vasconcelos criou é um enorme laço dourado com 280x305x105cm, feito com frascos de perfume “J’Adore” iluminados, resina de poliéster, fibra de vidro, LED RGB, microcontrolador, fonte de alimentação e metal e intitula-se «J’Adore Miss Dior». 

Cada obra será exposta ao lado de uma criação icónica da casa Dior, como o vestido "Concerto", de 1957, que acompanhará o laço de Joana Vasconcelos.


Joana Vasconcelos cria laço gigante a convite da Dior




Sem comentários: