MAR

MAR

19 agosto, 2012

O MODERNISMO FELIZ: ART DÉCO EM PORTUGAL


António Soares (1894 – 1978)
 No terrasse do Café des Plaires
C.1925
Óleo sobre tela, 33 x 36 cm
Col. MNAC-Museu do Chiado. Inv. 654


Mário Eloy (1900 – 1951)
Retrato do bailarino Francis
1930
Óleo sobre tela, 160 x 120 cm
Col. MNAC- Museu do Chiado. Inv. 1470


José de Almada Negreiros (1893 – 1970)
A sesta
1939
Carvão sobre papel, 68 x 100 cm
Col. MNAC-Museu do Chiado. Inv. 986


Francisco Franco (1885-1955)
Torso de mulher
1922
Bronze, 115 x 56 x 43 cm
Col. MNAC- Museu do Chiado. Inv. 1629-A




«O MODERNISMO FELIZ: ART DÉCO EM PORTUGAL
PINTURA; DESENHO; ESCULTURA, 1912-1960»

28.06.2012 - 28.10.2012
MNAC- Museu do Chiado


A presente exposição sobre o estilo Art Déco em Portugal permite uma releitura renovada e inovadora do nosso fenómeno Modernista, e, maioritariamente, daquele gosto que, originalmente, se estendeu do domínio do desenho às restantes expressões artísticas ditas 'maiores', como a Pintura, a Escultura e a Arquitetura, mas também ao grafismo e publicidade, à cenografia, ao cinema, às artes da decoração e, finalmente, à própria vida quotidiana e suas aspirações modernas de cosmopolitismo e felicidade.

Rui Afonso Santos
Comissário

mais informação em MNAC- Museu do Chiado

Sem comentários: