MAR

MAR

30 outubro, 2009

Grand Prix du Roman de l’Académie française 2009


L'Académie française, dans sa séance du jeudi 29 octobre 2009, a décerné son Grand Prix du Roman, d'un montant de 7 500 euros, à M. Pierre Michon, pour son roman Les Onze.

25 outubro, 2009

O Dia da Saia de Jean-Paul Lilienfeld


O Dia da Saia - La journée de la jupe - de Jean-Paul Lilienfeld e com os intérpretes: Marc Citti, Denis Podalydès, Isabelle Adjani, Yann Collette, Nathalie Besançon.

Um drama sobre uma professora, Sonia Bergerac, vítima de descontrolo emocional causado pelo stress provocado pela indisciplina dos seus alunos. Um dia descobe na sala de aula uma arma a sair de uma mochila, toma-a e, à falta de melhor solução, usa-a para controlar os alunos e poder tentar dar a matéria. Um drama intenso que nos apresenta um rol de problemas habituais nas escolas francesas, mas também nas portuguesas, como indisciplina, abusos sexuais, racismo e até violência para com os docentes.






23 outubro, 2009

50 anos de Astérix

Apareceram pela primeira vez, a 29 de Outubro de 1959, no jornal Pilote. 50 anos mais tarde, Astérix e Obélix juntam-se num álbum de aniversário que, em 56 páginas, revela algumas histórias inéditas.

"Dans un petit Village que nous connaissons bien, un grand événement se prépare. L'anniversaire d'Astérix et Obélix est l'occasion de retrouvailles avec de nombreux amis rencontrés lors de précédentes aventures. La fête peut commencer !Les amis invités à la fête apportent chacun des cadeaux pour Astérix et Obélix. Ceux qui habitent au loin envoient des messages d'anniversaire remis par le courrier Pneumatix. Même Numérobis donne de ses nouvelles !Parmi les surprises de l'album, des parodies de célèbres chefs d'oeuvre des arts plastiques semblent démontrer que les Irréductibles Gaulois ont influencé les plus grands maîtres..."

18 outubro, 2009

Caim de José Saramago

A apresentação do novo livro de José Saramago - Caim -acontece hoje, 18 de Outubro, pelas 21.30 horas, no Museu Municipal de Penafiel, integrado na 2.ª edição do Encontro Literário "Escritaria".
Em Lisboa, a sessão de lançamento está agendada para o dia 30 de Outubro, pelas 18.30 horas, no Grande Auditório da Culturgest.


Para mais informação, consultar o blog FJS

17 outubro, 2009

João Tordo vence Prémio José Saramago

O escritor João Tordo é o vencedor da 6ª edição do Prémio Literário José Saramago. Três Vidas é o título do romance, editado pela Quid Novi, que lhe valeu o galardão, hoje, anunciado em Penafiel. O prémio tem um valor pecuniário de 25 mil euros e distingue um jovem escritor com menos de 35 anos.



Sinopse

Quem é António Augusto Millhouse Pascal? Que segredos rodeiam a vida deste homem de idade, que se esconde do mundo num casarão de província, acompanhado de três netos insolentes, um jardineiro soturno e uma lista de clientes tão abastados e vividos, como perigosos e loucos? São estes os mistérios que o narrador, um rapaz de uma família modesta, vai procurar desvendar não podendo adivinhar que o emprego que lhe é oferecido por Millhouse Pascal se irá transformar numa obsessão que acabará por consumir a sua própria vida. Passando pelo Alentejo, por Lisboa e por Nova Iorque em plenos anos oitenta - época de todas as ganâncias - e, desvendando o passado turbulento do seu patrão - na Guerra Civil Espanhola e na Segunda Guerra Mundial -, As Três Vidas é uma viagem de autodescoberta através do «outro». Cruzando a história sangrenta do século XX com a história destas personagens, este romance é também sobre a paixão do narrador por Camila, a neta mais velha de Millhouse Pascal, e sobre a procura pelo destino secreto que a aguarda; que estará, tal como o do seu avô, inexoravelmente ligado ao destino de um mundo que ameaça, a qualquer momento, resvalar da estreita corda bamba sobre a qual ela se sustém.

13 outubro, 2009

Vitorino no Centro de Artes de Sines


Amanhã, às 22 horas, Vitorino apresenta “Tango” no CAS. O cantautor português, acompanhado pelo agrupamento “La Boca Livre Tango Sextet”, vem apresentar o seu novo trabalho, com raízes na tradição argentina.

08 outubro, 2009

Nobel da Literatura para Herta Müller


O Prémio Nobel da Literatura foi atribuído este ano à escritora alemã de origem romena Herta Müller, de 56 anos.

A Academia sueca sublinha que Herta Müller consegue, "com a densidade da sua poesia e a franqueza da sua prosa, retratar o universo dos desapossados".
Müller é autora de livros como “O homem é um grande faisão sobre a terra”, editado em Portugal pela Cotovia, e “A terra das ameixas verdes”, publicado a nível nacional pela Difel.
Nascida a 17 de Agosto de 1953, na aldeia de Nitzkydorf, perto de Timisoara, na Roménia. Estudou alemão e literatura romena na sua terra natal e trabalhou depois como tradutora numa fábrica de Timisoara, antes de ser demitida das suas funções em 1979 por se ter recusado a colaborar com a polícia política de Nicolae Ceaucescu.
Müller acabou por abandonar o seu país em 1987 para ir para a Alemanha com o marido, o também escritor Richard Wagner. Para trás deixou uma longa luta perdida pela publicação dos seus trabalhos frontalmente críticos ao regime totalitário de Ceausescu, que acabaria por ser derrubado dois anos depois de Müller sair da Roménia.
Em 1984 foi distinguida com o Prémio Aspekte e onze anos depois recebeu o prémio europeu de literatura Aristeion e foi eleita para a Academia Alemã para Língua e Poesia. Em 1998, recebeu o prémio irlandês IMPAC, no ano seguinte o Prémio Franz Kafka. Em 2003, foi galadoarda com o prémio Joseph Breitbach de literatura alemã, em 2004 com o prémio de literatura da Fundação Konrad Adenauer e, em 2006, com o Prémio Würth de literatura europeia.
in, PÚBLICO
Foto retirada de: lyrikline.org

04 outubro, 2009

"A Celebração dos Autores"


"A celebração dos autores"
Exposição na SPA a partir de 1 de Outubro
A Sociedade Portuguesa de Autores (SPA), em Lisboa, tem patente uma exposição em que reúne nomes como Cesariny e Almada Negreiros, Alexandre O´Neill, Fernando Lopes Graça, Maria Matos e Rómulo de Carvalho, além muitos outros.
«A celebração dos autores» é o título da mostra que tem por 36 painéis acrílicos - um por autor – e apresenta a requisição em que cada um pediu à então Sociedade de Escritores e Compositores Teatrais Portugueses ou à SPA para integrar a cooperativa - a grande maioria redigida à mão no já velhinho papel selado de 25 linhas - invocando os motivos que justificavam a sua inscrição.
Al Berto, Alves Redol, António Botto (com o primeiro pedido de inscrição na SPA, em 1927, e que foi recusado por falta de pagamento, pelo que só acabaria por ser admitido em 1933), Aquilino Ribeiro, Edmunto Bettencourt, Fernando Namora, Ferreira de Castro, Gino Saviotti, Glicínia Quartin, Henrique Viana, Ribeirinho, João Villaret, Joly Braga Santos, Luiza Neto Jorge, Maria Ondina Braga, Michel Giacometti, Vasco Santana, Vianna da Motta e Vitorino Nemésio são alguns dos autores expostos.
Capas de obras de autores, fotografias e uma pequena nota biográfica sobre cada um, elaborada por Ana Madureira, além de algumas obras das personalidades expostas constam também da exposição, que fica patente até final do ano.

"Bellamy" de Claude Chabrol na Festa do Cinema Francês

10ª Festa do Cinema Francês

7 de Outubro a 10 de Novembro

Dez edições, um marco importante na vida de um festival que se destaca pela apresentação, na sua secção principal, de antestreias de longas-metragens recentes, de géneros vários e origens diversas, mas com uma produção em comum: a francesa.

Ver programação em: www.festadocinemafrances.com