MAR

MAR

18 abril, 2009

Peter Zumthor - Prémio Pritzker de Arquitectura 2009


O suíço Peter Zumthor, de 65 anos, venceu Prémio Pritzker de Arquitetura de 2009, pela excelência do seu trabalho, ao longo de 30 anos.
Zumthor passa a fazer parte de uma lista que já inclui nomes como Jean Nouvel, Frank Gehry, Zaha Hadid, Oscar Niemeyer e Paulo Mendes da Rocha.

Arquitecto de primeira linha cujo perfil discreto o tem mantido, por sua própria escolha, à margem do star-system da arquitectura internacional, Peter Zumthor é o vencedor do Prémio Pritzker 2009,pela excelência do seu trabalho ao longo de 30 anos de carreira.

Em Los Angeles, o júri enaltece a postura de "humildade e de força" e a "dimensão poética" da sua obra e dos seus escritos, bem expressas na "integridade, alheia a flutuações de gosto e de moda", que lhes tem conferido. Há, na arquitectura de Peter Zumthor, lê-se no documento, um gesto de "respeito para com o espírito dos lugares, a sua matriz cultural e as valiosíssimas lições da História da Arquitectura".

Nascido a 26 de Abril de 1943, em Basileia, na Suíça, onde vive e trabalha longe da agitação dos grandes centros com um pequeno núcleo de projectistas que nunca excede 15 a 20 pessoas, Peter Zumthor aliou, a estudos de arquitectura e design, a prática de intervenção em património,em particular na vertente dos centros históricos, área que acompanhou de perto quando, em finais dos anos 60, trabalhou como consultor no Cantão de Graubunden.

Em 1979 fixou-se em Haldenstein, no coração dos Alpes Suíços, aí instalando o seu pequeno atelier e residência. Casado e pai de três filhos, cedo se distinguiu pela recusa de projectos com os quais não conseguisse identificar-se e pela dedicação exclusiva - que o júri do Pritzker igualmente sublinha - que tem dado a cada trabalho seu. Como o próprio referiu em recente entrevista telefónica ao jornal Chicago Tribune, "pretendo trabalhar com clientes que estejam interessados num bom edifício e não no meu nome".
Criador multipremiado, entre as suas obras mais divulgadas figuram a renovação e ampliação das Termas de Vals (Suíça),Art Museum Kolumba (Colónia, Alemanha), Pavilhão da Suíça para a Expo 2000 (Hannover, Alemanha) e Capela de S. Bento (Sumvitg, Suíça). Tem igualmente obra construída em Espanha, Holanda, Noruega, Finlândia, Inglaterra e EUA.

Peter Zumthor receberá o Prémio Pritzker a 29 de Maio,em Buenos Aires, na Argentina.


in,DN Artes - 12/4/09


Sem comentários: